POLICIA MILITAR CONTRA A VIOLENCIA NAS ESCOLAS

 NESTA TERÇA NA ESCOLA ESTADUAL JOSE OLAVO DO VALE, O CAPITÃO SIDCLEY, SUB COMANDANTE DA 1ª CIPM, ESTEVE MINISTRANDO PALESTRAS PARA ESTUDANTES E FUNCIONÁRIOS DA ESCOLA SOBRE COMO EVITAR A VIOLÊNCIA ESCOLAR. O CAPITÃO SIDCLEY DISCORREU SOBRE CONCEITOS REFERENTES AO PATRIMÔNIO PUBLICO E O ZELO PELOS BENS MOVEIS E IMOVEIS DAS ESCOLAS, COMO TAMBÉM ENSINOU QUAIS IMPLICAÇÕES LEGAIS SÃO APLICADAS AOS CAUSADORES DE DESTRUIÇÃO, INUTILIZAÇÃO OU DETERIORAÇÃO DOS BENS PÚBLICOS. OS ESTUDANTES FORAM INCENTIVADOS A VALORIZAR E ZELAR POR SUA ESCOLA, ENTENDENDO TAMBÉM QUE SÃO RESPONSÁVEIS PELAS SUAS AÇÕES SEJAM CONCORRENDO PARA O BEM OU MAL DA ESCOLA QUE FREQUENTAM. OUTRO TEMA EXPLANADO FOI SOBRE A VIOLÊNCIA NO ÂMBITO ESCOLAR QUE SE MANIFESTA ATRAVÉS DO  BULLYNG. OS ALUNOS APRENDERAM QUE EXISTE QUATRO FORMAS DE BULLYNG: O FÍSICO, VERBAL, RELACIONAL E ELETRÔNICO. TAMBÉM APRENDERAM QUAIS AS CONSEQUÊNCIAS TRÁGICAS NA VIDA DE QUEM É VITIMA DE BULLYNG E O QUE FAZER PRA EVITAR QUE ESSA PRATICA NÃO ACONTEÇA NAS ESCOLAS. POR FIM, O CAPITÃO CONCLAMOU ESTUDANTES E FUNCIONÁRIOS DA ESCOLA A CULTIVAREM O RESPEITO E A HARMONIA, COMO TAMBÉM A TEREM UMA POSTURA CORAJOSA DIANTE DOS MALES QUE QUEREM TIRAR A PAZ SOCIAL NOS ESTABELECIMENTO ESCOLARES. SEGUNDO AS PALAVRAS DO CAPITÃO  "A ESCOLA NÃO DEVE SER VISTA COMO UM AMBIENTE OPRESSOR E INSEGURO, SEJA PARA OS ESTUDANTES, EDUCADORES. A ESCOLA DEVE SER UM LUGAR DE RESPEITO, AMIZADE E APRENDIZAGEM, ONDE TODOS POSSAM SENTIR SEGURANÇA E HARMONIA". PARABENS CAPITÃO SIDCLEY E SOLDADO JAIRINHO. OS TELEFONES PARA DENUNCIAR A VIOLÊNCIA E DEPREDAÇÃO NAS ESCOLAS SÃO: 3521 1568 / 3521 6462. PARA AGENDAR PALESTRAS COM O CAPITÃO SIDCLEY 9840 1215  
Olá amigos leitores, peço que ajudem a compartilhar nas redes socias!
Compartilhe no Google Plus

Comunicado do Autor do blog Macau em Fotos

Galera "deixem seu comentário" Nos diga o que achou do assunto!
Deixe seu comentário Avisamos que você é o blog não responsabiliza por quaisquer argunto que agride pessoas ou ate instituição.

0 comentários:

Postar um comentário