MACAU VAI VOLTAR A TER A UNICA VAQUEJADA DE PRAIA DO BRASIL

A cidade de Macau voltará ao circuito de vaquejadas do Rio Grande do Norte, no próximo ano, com a construção de um novo parque de vaquejadas na Praia de Camapum. A notícia foi anunciada pelo prefeito Kerginaldo Pinto.
O projeto para construção do novo parque de vaquejadas foi apresentado, ao prefeito Kerginaldo Pinto, na presença da Secretária de Planejamento Josi Martins, do Secretário de Finanças e Compras Ubiratan Bezerra, que vinha acompanhando o processo, quando assessorava a Secretaria de Planejamento e ao assessor de Segurança do Município, André Silva.
Segundo adiantou Kerginaldo Pinto, na condição de filho de Macau, realizar essa obra será um sonho. “Estamos com isso, não só construindo o que derrubaram, mais também resgatando as tradições da vaquejada na cidade e fomentando a atividade turística do município”, disse o prefeito, informando que já trabalha para a inclusão do evento no circuito estadual de vaquejadas, com data de realização para o segundo final de semana de julho do próximo ano.
Ainda segundo disse o prefeito, o projeto será agora encaminhado aos órgãos competentes para licenças ea autorização do início da construção da obra.“Em 2015, a prefeitura volta a apoiar a cultura da vaquejada, que foi esquecida por gestões passadas, numa medida autoritária, sem ouvir a população, os barraqueiros e vaqueiros”, declarou o prefeito.
Homenagem
O novo Parque de Vaquejadas terá como patrono o saudoso comerciante e agropecuarista, Flávio Sá. “Flávio Sá foi um homem do povo, deixou sua contribuição no comércio e na pecuária e era um apaixonado pelas vaquejadas, então, nada mais justo do que lembrar novamente da sua memória, com uma obra que se reveste de muitos valores”, concluiu o prefeito.
Olá amigos leitores, peço que ajudem a compartilhar nas redes socias!

Comunicado do Autor do blog Macau em Fotos

Galera "deixem seu comentário" Nos diga o que achou do assunto!
Deixe seu comentário Avisamos que você é o blog não responsabiliza por quaisquer argunto que agride pessoas ou ate instituição.

0 comentários:

Postar um comentário